quarta-feira, 21 de junho de 2006

Mais emoções

Desde que voltamos de viagem meu marido fica testando o JL, ele faz barulhos pra ver se o JL reage. Não sei o que estava passando na cabeça dele, mas se ele tinha alguma dúvida que o JL estava ouvindo, não tem mais.

Cheguei em casa um pouco mais tarde que de costume, achei que o JL já estaria dormindo, mas ele ainda estava acordado.
Eu e meu marido fomos pra sala e ligamos o som pra saber qual seria a reação dele..... ele começou a dançar.... foi lindo!!!
Ele nunca tinha dançado... foi a primeira vez... não esperava essa reação tão cedo, ele só tem 14 dias de ativado.... e eu não me contive, chorei muito, rindo e chorando ao mesmo tempo. Que sentimento maravilhoso.

Enfim, o Luís agora tem certeza que o JL está ouvindo.

domingo, 11 de junho de 2006

Momento marcante



















De SP seguimos até o Rio Grande do Sul para visitar o vô do José Luís, e lá vivemos um momento mágico, a resposta que eu tanto queria veio naturalmente.

Chegamos na casa do vô, lá estavam todos da família pra conhecer o José Luís. Eram tios, primos, primas.... também os cachorros do vô.

O show veio quando os cachorros começaram a latir, a reação do José Luís deixou todos maravilhados com o implante.

Ele ficou paralizado, nem piscava... nesse momento o latir dos chachorros me pareceu uma bela melodia, nunca quis tanto ouvir o latidos dos cães, kakak... levei ele o mais perto possível para ouvir os latidos, e mostrei à ele de onde vinha aquele som.

sexta-feira, 9 de junho de 2006

Ativando o implante

Chegamos em SP e de tarde já fomos para a FORL. A ativação do IC do JL estava marcado para o dia 09, mas a Mari pediu pra irmos um dia antes para receber o kit e ela explicar direitinho sobre o aparelho.

Quando chegamos na FORL tivemos, quero dizer, eu tive uma surpresa porque a Mari ativou o IC do JL no mesmo dia... vou contar direitinho...

Ela pegou um processador da FORL pra ativar porque na caixa do JL veio um processador 3G e não o sprint que é o dele.
Ela montou tudo, pediu que eu colocasse o aparelho nele e começou a ativação, ela ia me explicando o que estava fazendo.
Em certo momento ela disse que iria ligar, e ligou.... o JL olho pra mim como quem pergunta: ö que está acontecendo?" Nesse momento ela testava o mínimo de energia que o nervo auditivo respondia, então ela desligou e colocou o máximo de energia que o nervo respondia e ligou o aparelho, ele chorou e eu chorei junto, meu Deus, meu filho ouviu pela primeira vez... não me contive, um choro de emoção.
Ele chorou e tirou a antena do implante. A Mari já havia me dito que, em geral os bebês reagem dessa forma porque entendem o som como algo que incomoda.

Aos pouco ela foi programando o aparelho e ele já deixava a antena no lugar. Eu...ah, estava com um sorriso como nunca.

Depois de fazer toda a programação ela me pediu pra voltar no dia seguinte pra colocar o aparelho dele mesmo.

No dia seguinte logo cedo estávamos lá... e pra nossa alegria ser ainda maior a Carminda foi acompanhar tudo.

Agora sim, com o aparelho dele, a Mari começa a programação, ele já não se incomoda com os sons, reage muito bem.

A Carminda fez algumas fotos e vídeo desse momento mágico nas nossas vidas.

Recebemos uma caixa enorme, cheia de acessórios para o aparelho e ainda recebemos um urso coala que usa o IC também, kakakakak, lindo, lindo.

Carminda foi 10, me ajudou com tudo, ainda tive o prazer de ter a companhia dela conosco no hotel. Ela tinha um compromisso no dia seguinte e passou a noite conosco.

Minda, minha amiga querida.... obrigado por tudo!!!!


video